Quais exames fazer no check-up médico?

Tempo de leitura: 3 minutos

Você sabia que 35% dos brasileiros nunca fez um check-up médico?

O check-up médico é muito importante. Graças a ele, podemos saber como anda a nossa saúde e se temos, ou não, a chance de desenvolver alguma doença no futuro. Assim, podemos nos cuidar melhor.

O check-up deve ser feito regularmente. Para pessoas com alguma complicação crônica, o ideal é que o check-up médico seja feito a cada seis meses. Para os demais adultos saudáveis, ela pode ser feita uma vez por ano.

Quer saber qual é a bateria de exames que mais é solicitada no check-up médico?

Então, continue a leitura, a gente explica!

Check-up médico: pressão arterial

A medição da pressão arterial é um dos exames mais simples e discretos que a medicina nos oferece. Entretanto, ele também é um dos mais importantes. Essa avaliação deve ser feita anualmente desde os 18 anos.

Nela, o médico utiliza um aparelho para medir a sua pressão. Com os resultados, o profissional consegue descobrir se você tem hipertensão — é importante que isso seja feito, porque quando não cuidamos dessa doença podemos ter infartos e derrames.

Hemograma no check-up médico

O hemograma, ou exame de sangue, é outra avaliação clássica dos check-ups. Ele também deve ser feito anualmente, já que permite a identificação do estado das suas células vermelhas e brancas.

Graças a isso, esse exame ajuda o profissional da saúde a descobrir como está o seu sistema imunológico. Essa avaliação também permite identificar vários problemas, como anemia, infecções, leucemia etc.

Colesterol e glicemia

O teste de colesterol e glicemia serve para medir a quantidade de açúcar e de gordura que estão no seu corpo.

Powered by Rock Convert

A frequência ideal para fazer esse exame varia muito, mas depois dos 40 é recomendado fazer uma vez ao ano.Essa avaliação ajuda a entender se você tem chance de desenvolver diabetes caso não tome cuidado com seus hábitos.

Ele também verifica os níveis de colesterol e triglicérides — quando eles estão altos, seus vasos sanguíneos podem ficar bloqueados.

Eletrocardiograma e teste ergométrico

Você já viu aqueles exames em que o médico coloca eletrodos no peito do paciente? Aquilo serve para entender o risco cardiovascular da pessoa. Existem duas avaliações que fazem isso: o eletrocardiograma (nele, você fica deitado) e o teste ergométrico (nesse você fica em movimento, caminhando ou correndo).

Essa avaliação pode ser pedida a partir dos 20 anos, mas é nos 40 que ela vira obrigatória e deve ser realizada anualmente.

Os exames ajudam a verificar o entupimento das suas artérias — quanto mais entupidas, maior é a chance de um ataque cardíaco.

Ecocardiograma no check-up médico

O ecocardiograma é como se fosse um ultrassom (aquele exame que as grávidas sempre fazem), só que no coração. Esse é outro que entra para a lista dos “obrigatórios” para pessoas com mais de 40 e deve ser feito anualmente.

Essa avaliação ajuda o profissional a verificar como anda a contração do músculo cardíaco. O médico também observa as válvulas do coração e pode descobrir se algum problema está começando a aparecer.

Além dessa bateria de exames, também é muito importante que você, caminhoneiro, faça o exame toxicológico, como a Lei nº 13.103, de 2 de março de 2015 exige.

Essa avaliação é necessária para que alguma empresa lhe contrate. Ela também é obrigatória para a renovação ou mudança de categoria da sua CNH.

E aí, conseguimos tirar suas dúvidas sobre quais exames fazer? Então, nos ajude a espalhar essa informação: compartilhe o texto em suas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *